6.6.17

JOGO PERIGOSO - PARTE XIX






Pagaram a conta, e saíram, mas em vez de se dirigirem ao carro, contornaram o restaurante e dirigiram-se à praia. Descalçaram-se. 
Ele passou-lhe um braço pelos ombros e caminharam em silêncio, afastando-se do recinto iluminado do restaurante. Estava a ser uma noite de sonho, para Daniela. De súbito recordou-se do seu casamento e da causa do seu divórcio. Estremeceu.
- Tens frio? -Perguntou ele solícito.
-Um pouco.
Tirou o casaco e colocou-lho sobre os ombros. Uma mão acariciou-lhe o rosto, outra apoiou-se nas suas costas atraindo-a com delicada firmeza para ele. Os olhos cinzentos, escurecidos pela paixão, buscaram os verdes que se mostravam inconscientes do abandono que refletiam.
Sem deixar de a fitar, a sua boca buscou a dela, com um gesto de autoridade, e ela soube que desejava acima de tudo submeter-se a esse doce domínio.
A língua dele, esfregou-se levemente contra a dela, numa dança erótica que acendeu todas as partes sensíveis do seu corpo, levando-a a acariciar-lhe os músculos das costas, enquanto se apertava contra o corpo masculino. Gemeu desiludida, quando ele a soltou, e lhe pegou na mão dizendo:
-Vamos embora. Se continuamos aqui, não conseguirei controlar-me.
Percorreram o caminho inverso em direção ao carro, sem pronunciarem uma palavra. Aí, David retirou a areia dos pés, limpando-os com as meias, calçou os sapatos nos pés nus, e depois de lançar um olhar à jovem que já tinha as sandálias calçadas, pôs o carro em marcha. Cada um absorto nos seus sentimentos, seguiram em silêncio até à casa da jovem.
- Queres entrar? – Perguntou ela saindo do carro
Mergulhou nela um olhar intenso.
- Queres que entre?
Voltou-lhe as costas, envergonhada
- Sim
Fê-la voltar-se, e beijou-a apaixonadamente.
-Importas-te de ir entrando? Volto já.
Dirigiu-se ao carro e arrancou velozmente. Sem saber o que pensar, a jovem entrou em casa. Acendeu a luz, largou a mala em cima de uma cadeira, e dirigiu-se à cozinha para fazer um chá.
A campainha tocou e ela foi abrir. Era David que voltava.



19 comentários:

Roaquim Rosa disse...

bom dia
mistério !!!!!!
JAFR

Tintinaine disse...

Onde raio terá ele ido ... quando tinha a porta aberta para entrar?
Espero que seja por boas razões!

✿ chica disse...

AH! Que susto! Pensei que ele ia "fraquejar"...Já estava tendo uma opinião por aqui,rs... bjs,chica

Anete disse...

Opa, o romance tá "pegando fogo"...
Vamos adiante, que sejam felizes num relacionamento de AMOR E COMPANHEIRISMO...

Boa 3ª feira... Abçs

Anete disse...

Elvira, vi o seu comentário, percebeu que a netinha está com o presentinho que vc deu?! Ela e a mamãe agradecem!...
Bj

© Piedade Araújo Sol disse...

Sorrindo...pensei que ele ia fugir, mas, deve ter ido estacionar e se arrancou velozmente, foi para não perder tempo.
Estou a gostar, a autora sabe como prender o leitor.
beijinhos
:)

Edumanes disse...

Do que uma louca paixão assim,
não haverá nada mais maravilhoso
como esse espectáculo tão amoroso
vagueando nos seus corpos sem fim!

Tenha uma boa tarte amiga Elvira, um abraço,
Eduardo.

Maria Teresa de Brum Fheliz Benedito disse...

Ai, ai, ai!
Quanto mistério querida Elvira!
Estou muito curiosa, rsrsrsr, beijinhos e lindo dia para você.

Bell disse...

Gostei dessa apimentada rs...

bjokas =)

AvoGi disse...

Está ao rubro....
Kis :=}

Janita disse...

:) Achei muito interessante a alusão à 'dança erótica das línguas'...o que será que o David foi fazer? Hummmm

Quanto à pergunta que faz no post anterior, amiga Elvira, abstenho-me de responder. Já sei que guarda sempre um trunfo para jogar a seu devido tempo.Tenho lido dois capítulos de cada vez e assim avanço um pouco mais mais no desenvolvimento da história.

Um abraço.

Prata da casa disse...

Passando para acompanhar a história.
Bjn
Márcia

Majo Dutra disse...

Está ao rubro...
A autora teve um excelente mestre,
percebe disto a fundo...
Boa noite.
Abraço amigo.
~~~~~~~~

Ana S. disse...

É bom dar asas à paixão mas longe de olhares curiosos. Em casa, tudo é permitido.
Abraço

Os olhares da Gracinha! disse...

Romance sempre gostoso! Bj

Zilani Célia disse...

VAI RENDER!
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

redonda disse...

Isto está super envolvente, vou já a correr ler o capítulo que se segue...

Rosemildo Sales Furtado disse...

Acompanhando, gostando e aguardando os acontecimentos.

Abraços,

Furtado

Ailime disse...

Bom dia Elvira,
Um momento alucinante.Muuto lindo.
Beijinhos,
Ailime