8.7.18

ERICEIRA - A PRINCESA DO SURF

Freguesia do conselho de Mafra, Ericeira é uma vila muito antiga.  Diz-se que Ericeira, significa terra de ouriços. Se seriam os ouriços do mar, como o povo diz ou o ouriço-cacheiro, como dizem os historiadores, já é outra conversa.  Mas a julgar pelo desenho,no antigo brasão da vila, existente no Arquivo-Museu da Misericórdia, seria mesmo o ouriço-cacheiro, o responsável pelo nome da Vila.  Uma outra versão que encontrei na Marinha de Guerra Portuguesa, diz que os Fenícios chegaram ao local onde hoje se situa a Ericeira por volta do ano 1000 a.C. Á época da invasão romana da Península Ibérica, existiria no local das Furnas, um Santuário dedicado à deusa Ericina, cujo culto original se situava no monte Erix na Sicilia. Então o nome também poderá advir dessa deusa. 
O seu primeiro foral data de 1229, concedido pelo Grão-Mestre da Ordem de Aviz, D. Frei Fernão Rodrigues Monteiro, que instituiu o Concelho da Ericeira, mas a sua história é muito mais antiga, sendo provavelmente anterior mesmo à sua ocupação pelos fenícios.Na carta do foral, faz-se referencia aos pescadores, pelo que deduz-se seria uma povoação que vivia essencialmente da pesca.


O seu porto, foi pólo de grande desenvolvimento, chegando a ser considerado o quarto do país, logo atrás de Lisboa, Porto e Setúbal. Com o avançar dos caminhos-de-ferro do Oeste, o seu porto foi perdendo influência. 

Na reordenação administrativa de  1855, Ericeira deixou de ser Concelho, passando a pertencer ao Concelho de Mafra. Nos finais do século XIX a pesca de sardinha conheceu na Ericeira um dos seus meios de desenvolvimento, tendo chegado a empregar nela cerca de 500 pescadores.



Aqui se diz que a rainha D. Maria Pia tomava banhos nesta praia e foi, na praia dos Pescadores na Ericeira que no século passado, D. Manuel II, sua mãe e avó, (a rainha D. Amélia e D. Maria Pia) embarcaram na fuga para o Brasil, aquando da implantação da República. 




Hoje o turismo é a principal fonte de desenvolvimento da Ericeira. Cercada de belas praias,com uma alta concentração de iodo, e um belo clima, e uma boa oferta hoteleira, a Ericeira é muito procurada pelos veraneantes. 





Sendo a única reserva mundial de surf  na Europa, e a terceira no mundo,  a freguesia é conhecida mundialmente pelos praticantes de surf e bodyboard, especialmente as praias de Foz do Lizandro, e a Ribeira d'ilhas.
Situada, a 35 Kms de Lisboa, 18 de Sintra e 8 de Mafra, a vila beneficia também dessa proximidade.
O Sumol Summer Fest, maior evento de música reggae do país, que se realiza todos os anos na Ericeira em Julho, trás à vila milhares de pessoas, na sua maioria jovens. 





Para quem gosta de conhecer bem o local onde passa férias, aconselho uma visita ao Forte de Milreu, também 
conhecido por Forte de S. Pedro, ao Forte Nossa Senhora da Natividade. Podem ainda visitar a Igreja Paroquial de S. Pedro, ou às 4 capelas existentes na freguesia.










Na gastronomia, existem variados e saborosos pratos de peixe, marisco. Destaque para os pratos de choco, que dão origem até a um festival gastronómico.

Boas Férias.
.


fonte: A
Meus passeios e estudos.

14 comentários:

Isa Sá disse...

Não me lembro de lá ter ido. Mas até me senti a viajar um pouquinho ao ver estas imagens!

Isabel Sá
Brilhos da Moda

Larissa Santos disse...

Bom dia. Parabéns pela publicação interessante :))
Obrigada


Bjos
Votos de um óptimo Domingo.

jorge esteves disse...

Lugares e paisagens bonitos, por aqui.
(também tem multas de estacionamento...)
E fiquei a saber alguns pormenores históricos. Obrigado, amiga Elvira.
Abraço!
jorge

www.tintapermanente.pt

Cidália Ferreira disse...

Nunca fui à Ericeira, mas este ano está no meu programa!


Hoje, especial: Silenciosamente a sós, no meu destino. [Poetizando e encantando]

Beijos e um excelente fim de semana!

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Gosto muito de lá ir comer um bom peixe.
Um abraço e bom Domingo.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
Livros-Autografados

Os olhares da Gracinha! disse...

Gosto muito da Ericeira e os seus olhares estão magníficos!
bj

Beatriz Pin disse...

Un post que convida a visitar Ericeira. Agradezo toda a información sobre o lugar e gostaría de visitar algun día. Ha tanto que ver en Portugal! Para o conhecer un pouco tería de morar la un tempo. Interesante tudo o que dí dende o ponto de vista histórico como de esparcimento. Sinto non poder asistir a ese festival de reggae e poder bailar ao ritmo da música. Feliz verán, Elvira. Uma grande aperta.

Edumanes disse...

Fantásticas imagens gosto de ver,
desses lugares por onde já passei
sinceramente, nunca me cansarei
de sempre e só as verdades dizer!

Tenha um bom dia de Domingo amiga Elvira.
Um abraço.

Tintinaine disse...

Fui várias vezes à Ericeira, felizmente, no tempo em que havia menos automóveis e menos turistas a atravancar tudo.

Anete disse...

Bonitas fotos. Deve ser um lugar muito agradável ao vivo. Sempre ouço boas referências.
Bom final de domingo...

Roselia Bezerra disse...

Boa tarde, querida amiga Elvira!
Amei Ericeira e achei-a elegante e charmosa.
Gostei de ver mais sobre esta

cidade linda.
Tenha dias felizes!
Bjm fraterno de paz e bem

Ailime disse...

Boa tarde Elvira,
Ericeira, a bela Ericeira, que depois de Sintra é a vila onde vou mais vezes passear e desfrutar da suas belezas!
Obrigada pela magnifica partilha.
Beijinhos,
Ailime

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá Elvira! Sempre nos ofertando belos e importantes passeios turísticos. Muito obrigado por partilhar tamanha beleza.

Abraços,

Furtado

Ana Freire disse...

Tinha de vir espreitar este post, que me escapou, no outro dia!...
O meu recanto junto ao mar de eleição!... Pelo que adorei apreciar, por aqui, imagens de lugares, por lá, que tão bem conheço, e que me são tão familiares!
Adorei o texto, Elvira, que me deu a conhecer mais alguns detalhes, desta vila, que tanto aprecio!
Beijinhos
Ana

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...