Seguidores

18.4.18

RENASCER - XV





23 comentários:

✿ chica disse...

Nooooooooooossa, que situação! Está revivendo momentos por ele passados.Vamos aguardar. Ess nossa escritora sabe o que faz muito bem!Adorando! bjs, chica

Zilani Célia disse...

OI ELVIRA!
VENHO AQUI, LEIO O CAPÍTULO, SABENDO O QUE ESTOU PERDENDO EM NÃO ESTAR ACOMPANHANDO MAS, LOGO VOU PODER ACOMPANHAR-TE NOVAMENTE POIS SEI O QUANTO ÉS TALENTOSA.
ABRÇS AMIGA
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Pedro Coimbra disse...

O tal choque que restaura a memória que aqui há dias falava.
Abraço

Tintinaine disse...

Quando acordar do desmaio vai ver a Régua com outros olhos!

Roaquim Rosa disse...

bom dia
Amanhã vamos ter algo de novo !
Ou não !
JAFR

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

As coisas estão a levar o caminho certo.
Um abraço e boa semana.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
O prazer dos livros

Manu disse...

E acabou de ser desvendado o trauma e medo do episódio anterior.

Abraço Elvira

Gil António disse...

Lendo, gostando e aguardando um final feliz.
.
* Amor = Velas Acesas em Espinhos de Luz. *
.
Votos de um dia feliz.

Anete disse...


... Opa, a reconstrução da sua mente, alma está acontecendo... Um novo tempo vem por aí!
Mais e mais inspiração, Elvira, p você...
Bjs

Rui disse...

Agora este episódio, daí também, certamente, alguma recordação que guardava da irmã, depois um outro episódio e mais outro e aos poucos a memória irá desanuviando !
Esperemos que sim !
A passagem de uns dias na sua terra será um bom remédio !

Abraço e os meus parabéns, Elvira !

Duarte disse...

Depois dos comboios pouca terra, um acidente.
Sempre trazem consequências estes tipo de acidentes e traumas.

Já acabamos com a leitura e tradução da Maria Paula, agora estamos na fase de repasso.
Já te comentarei mais coisas.
Um grande abraço

© Piedade Araújo Sol disse...

muito bem engendrado...por isso ele se lembrou da irmã Cacilda.
aguardando a saga e gostando de ler.
muitos parabéns minha amiga Elvira pelo seu talento e pela maneira sublime como consegue transmitir com palavras toda a emoçao e sentires da trama.
beijinhos
:)

António Querido disse...

Lendo, passando e deixando o meu abraço.

Ana disse...

Já li a história desde o começo e acho bem interessante. Quanto ao nome... "Sem memória mas com esperança".
Abraço

Cidália Ferreira disse...

Bolas! Este episódio foi terrível. Até eu fiquei enervada!
Vamos a ver no que vai dar....

Beijinhos com carinho

Meu Velho Baú disse...

Recordo-me bem desse terrível acidente da Ponte entre os rios
Mas a sua história está bem interessante ...quem sabe que com este acidente ele não recupere a memória...
Beijinhos

Cantinho da Gaiata disse...

Bom até entrei na história, uffa ai o meu coração.
Vou esperar para ver o desenrolar do próximo episódio.
Bj

Pedro Luso disse...

Olá, Elvira!
Mais uma bela narrativa, sem muita viva, a despertar a curiosidade do leitor. Gostei muito.
Parabéns.
Um abraço.
Pedro

Ailime disse...

Boa noite Elvira,
A história está a ficar com imenso suspense. Vou ler avidamente o episódio seguinte.
Beijinhos,
Ailime

Gaja Maria disse...

Está a fazer-se luz :)

Rosemildo Sales Furtado disse...

Espero que o impacto sentido devido ao acontecimento seja o suficiente para ele recobrar a memória. Acredito que o título deva continuar SEM NOME porque a personagem principal passou um bom tempo sem nome. Continuo gostando e acompanhando.

Abraços,

Furtado

Lucia Silva disse...

Pense numa história legal, bem conduzida, impactante, misteriosa e emocionante.
Beijos!

Berço do Mundo disse...

Voltei para ver o andamento da história e tenho muita coisa para por em dia... sigo para o próximo post