2.2.18

A VIDA É... UM COMBOIO - PARTE XXVI



 Aquele domingo marcou o início de uma nova vida para Amélia e o filho. Conheceram Alfredo e a família. A jovem percebeu a forte amizade entre o caseiro e o dono da propriedade, e entendeu o desejo deste, de partilhar com o seu irmão de criação a herdade.
Martim, logo fez amizade com os dois meninos, mas sobretudo encantou-se com Matilde, uma bonequinha loira de três anos, sempre atrás deles e a querer entrar nas brincadeiras dos manos. A avó entabulou uma longa conversa com Augusta, a mãe de Alfredo. Noutros tempos, quando os respetivos maridos, eram vivos, encontravam-se de vez em quando para confraternizar. Depois que ficaram viúvas, ambas se entregaram à sua dor e se meteram em casa, deixando de lado o convívio social. Agora conversavam animadas trocando recordações, e vivências. Depois do almoço, Paulo aproveitou que as mulheres estavam entretidas na cozinha, e Alfredo ia levar as crianças a ver os animais, para convidar Amélia a dar um passeio pela herdade. Encaminharam-se na direção do rio.
. Dá para perceber que eles gostam muito de ti.
- Como eu deles. Na verdade pode dizer-se que são a minha única família. Daí a minha ideia de lhes doar metade desta herdade.
- Comentaste isso alguma vez com eles?
-Achas? Se nem eu mesmo tinha pensado nisso até que vi a dimensão atual da quinta e vi os filhos deles. Pensei que eles mereciam ter mais oportunidades na vida, do que as que são dadas aos filhos dum simples caseiro. Incomoda-te a minha decisão?
- Porque havia de me incomodar? Os bens são teus.
- Mas eu fiz-te uma proposta. E se nos casarmos?
- Se eu aceitar casar contigo, não será pelo teu dinheiro, mas porque soubeste chegar ao meu coração. Toda a vida tenho trabalhado para me sustentar e ao meu filho.
Ele parou. Pôs-lhe as mãos nos ombros e atraiu-a para si. Sem desviar os seus olhos dos dela, baixou o rosto e os seus lábios poisaram sobre a boca feminina. Primeiro suavemente, numa carícia tão suave como o roçar de uma pena, depois mais intenso, a sua língua impaciente, forçou a boca dela, que se abriu e entregou, como um botão de rosa que desabrocha, sob um intenso raio solar.
As mãos grandes e nervosas do homem introduziram-se por baixo da blusa dela acariciando-lhe as costas, para depois, desapertar o sutiã, e acariciar-lhe os seios, enquanto a apertava contra o tronco de uma árvore o corpo dele, pressionando o dela, fazendo-lhe sentir a sua excitação.
O chamamento de Martim ao longe suou, como uma campainha de alarme, aos ouvidos dos dois que se largaram imediatamente. Amélia baixou os olhos envergonhada, enquanto Paulo a ajudava a compor a roupa. Ele estava encantado com a mulher apaixonada que acabara de descobrir, ela envergonhada pela sua reação às carícias masculinas.
- Meu Deus! Isto não devia ter acontecido!
- Porquê? Isto é a prova da química que há entre nós. Não podemos lutar contra os sentimentos. Vá lá, querida, diz que sim, que me aceitas na vossa vida e que vamos formar uma família feliz.


Nota: 1 Este episódio parece um final, mas só parece. Não esqueçam que gato escaldado de água fria tem medo, e Amélia jurou não cair noutra quando soube da traição do marido. 

Nota 2  A minha princesa faz 9 anos no domingo. E sou eu que estou a preparar a festinha dela. De modo que não sei se conseguirei visitar-vos a todos, hoje e amanhã.

20 comentários:

Kique disse...

É só um final falso o vira da História fica para o proximo capitulo
Bjs
Kique
https://caminhos-percorridos2017.blogspot.pt

Larissa Santos disse...

Bem, depois de um episódio empolgante, só faltava ela não aceitar, mau mau, :))

Que a festinha corra pelo melhor


Hoje:- Primavera impetuosa...
.
Bjos
Votos de uma óptima noite

✿ chica disse...

Hummm.. .a coisa ESQUENTOU e tomara não mude de rumo.... adorando! PARABÉNS pra tua princesa! Bjs chica

noname disse...

Acho que ele está a ir depressa demais, afinal viram 4 vezes.

Boa festa de anos, tudo a correr bem
Beijinho

Ailime disse...

Empolgante a história. Vamos ver como reage Amélia.
Beijinhos e bons preparativos para a festa da sua princesinha.
Ailime

Diana Fonseca disse...

Há coisas que não se explicam.

Há passatempo no meu blogue. Participe! :)

Cantinho da Gaiata disse...

Não me diga amiga Elvira, que ela ainda vai voltar atrás, não quero.
Adorei este capítulo e obrigada por ter sido mais longo.
Beijinho grande e boa festa.

Roaquim Rosa disse...

bom dia
achei um pouco prematuro esta intimidade , pois ainda há muito a esclarecer mas a falta de amor e carinho também pode ter influenciado esta situação .
estamos cá para ver .
bom fim de semana para todos .
JAFR

Os olhares da Gracinha! disse...

Parabéns à netinha!
Fico aguardar a resposta da Amélia!!! bj

Tintinaine disse...

O filho vai ser o elo que os não deixará separar nunca mais. Acho que o irmão da Amélia vai sentir remorsos quando vir pai e filho juntos e acabará por contar à irmã o grande segredo que só ele conhece.

Gil António disse...

Bom dia. O amor acabará por vencer.
.
Querendo, visite e leia o que ( mal) escrevi.
.
*Amor:- Exaltação aos desertos do mundo *
.
Votos de um Sábado feliz

Ana disse...

Pois é Elvira,
gato escaldado tem medo de agua fria e o medo de sofrer pode ser prejudicial.
Bom fim de semana.
Abraço

aluap Al disse...

Também há o provérbio "O SEGURO MORREU DE VELHO", mas como outro comentador disse, o amor acabará por vencer.
Um abraço para si.

Vanessa disse...

Que história envolvente, realmente nos prende a atenção!
Tenha um ótimo sábado.

Anete disse...

Viva o amor! Paulo e Amélia estão descobrindo a atração dos sentimentos verdadeiros...
O próximo capítulo será ardente...
Os meus parabéns à sua netinha. Certamente a comemoração será linda e doce!... A vovó é caprichosa!!
Bjs

Lucia Silva disse...

Aplausos para esse capítulo no qual o amor libertou a jovem dos seus medos, dos seus fantasmas e agora é emoções ardentes e flamejantes!!!!
Parabéns e muitas felicidades para sua netinha!
Beijos carinhosos!

Cidália Ferreira disse...

Confesso que estou a gostar imenso desta estoria.
Estou em pulgas, o pior é se não acaba como penso...

NEXT..
Beijo e bom fim de semana

Edumanes disse...

Paulo e Amélia estão numa boa. Tudo indica que está história vai ter um final feliz!
Tenha um bom fim de semana amiga Elvira, um abraço,
Eduardo.

Gaja Maria disse...

Estou certa de que a Princesa vai ter uma festa maravilhosa Elvira :)

Rosemildo Sales Furtado disse...

Com o primeiro beijo foi plantada a semente de uma grande paixão que, regada às boas intenções, se fortalecerá e se transformará num grande amor, isso sem contar que a afinidade com o Martim, possibilitará ao Paulo, a lembrança da doação do sêmen solicitada pelo Ricardo, irmão da Amélia.

Abraços,

Furtado

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...