Seguidores

17.10.19

A LEI DO CAMIÃO DO LIXO






O texto que se segue, recebi-o por email. Achei-o muito interessante e decidi partilhá-lo convosco. Recebi-o como vos passo, sem qualquer assinatura. Como não gosto de partilhar textos sem assinatura, pesquisei no Google, e aí encontrei o texto como sendo de David J. Pollay.








  Um dia peguei um táxi para o aeroporto. Estávamos rodando na faixa certa, quando de repente um carro preto saltou do estacionamento na nossa frente. O taxista pisou no freio, deslizou e escapou do outro carro por um triz! O motorista do outro carro sacudiu a cabeça e começou a gritar para nós nervosamente. Mas o taxista apenas sorriu e acenou para o cara, fazendo um sinal de positivo. E ele o fez de maneira bastante amigável. Indignado lhe perguntei: 'Porque você fez isto? Este cara quase arruína o seu carro e nos manda para o hospital!'  Foi quando o motorista do táxi me ensinou o que eu agora chamo de   "A Lei do Camião de Lixo."  Ele explicou que muitas pessoas são como camiões de lixo. Andam por ai  carregadas de lixo, cheias de frustrações, cheias de raiva, traumas e de desapontamento. À medida que suas pilhas de lixo crescem, elas precisam de um lugar para descarregar, e às vezes descarregam sobre a gente. Não  tome isso pessoalmente. Isto não é problema seu!  Apenas sorria, acene, deseje-lhes o bem, e vá em frente. Não pegue o lixo de tais pessoas e nem o espalhe sobre outras pessoas no trabalho, EM CASA, ou nas ruas.  Fique tranquilo...  respire E DEIXE O LIXEIRO PASSAR. O princípio disso é que pessoas felizes não deixam os camiões de lixo  estragarem o seu dia. A vida é muito curta, não leve lixo. Limpe os sentimentos ruins, aborrecimentos do trabalho, picuinhas pessoais, ódio e frustrações. 

Ame as pessoas que te tratam bem. 
E trate bem as que não o fazem. 
 A vida é dez por cento o que você faz dela e noventa por cento a maneira como você a recebe!  
Tenha um bom dia, Livre de lixo!  


Nesta altura do campeonato, eu também  estou-me achando um lixo, não por ódios nem rancores, mas porque uma crise de refluxo gastroesofágico me provocou uma crise alérgica que me tem obrigado a passar as noites sentada no sofá, por causa da tosse. E preocupada com medo que esta malvada tosse me afete mais o olho. 

24 comentários:

noname disse...

O ensinamento é bom, mas por vezes é quase impossível sorrir e fazer de conta.

Boa noite, Elvira

Roselia Bezerra disse...

Boa noite abencoada, querida amiga Elvira!
Muito certo....cada um so da o que tem.
A Biblia ja nos ensina que a paz volta pra nos quando nao no-la dao os frustrados.
Muito bom seu interesse em pesquisar fontes.
Tenha dias felizes!
Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

Pedro Coimbra disse...

Já conhecia o texto.
E espero que esses males que a atormentam em breve desapareçam.
Abraço

Joaquim Rosario disse...

Bom dia
Que grande lição de moral !!

JAFR

Tintinaine disse...

Esse taxista era um optimista e tanto. Assim custa menos levar a vida adiante.
Quanto às mazelas de que sofremos é o custo de querer chegar a velho. Quem morre mais novo nunca sofre destes males. Ainda na semana passada disse à minha oftalmologista que não queria ser operado às cataratas, porque acho que vou morrer antes que elas me afectem muito.
Será que eu chego aos 80? Essa é a pergunta para a qual não tenho resposta, mas em função da qual tenho que tomar todas as decisões importantes da minha vida. Os olhos são neste momento a parte menos importante da equação.

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Gostei desta história e concordo plenamente e aproveito para desejar a continuação de uma boa semana e as melhoras da minha amiga.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
O prazer dos livros

Fatyly disse...

Que grande lição de vida e subscrevo.

Amiga não te aches "lixo" e desejo que melhores rapidamente. Beijos e um enorme abraço

Larissa Santos disse...

É caso para ler e reflectir:))

Bjos
Votos de uma óptima Quinta - Feira

teresa dias disse...

Bela partilha, Elvira. Gostei de ler!
Não gostei foi de saber do seu problema de saúde, mas calma, tudo se resolve.
«Lixo» nunca, minha amiga, nunquinha!
Beijo.

chica disse...

Bela reflexão,Elvira! beijos, lindo dia! chica

Isa Sá disse...

Para refletir.
Aproveita para desejar as melhoras.

Isabel Sá  
Brilhos da Moda

Editor IPC disse...

Bom dia, poetisa Elvira!
Estou passando aqui para deixar um abraco e alegria no coracao.

Voltarei com mais calma, ate porque gostaria de conhecer melhor o seu segundo livro.
Obrigado

Isaias Prudencio do Blog rabiscoliteratura.blogspot.com
W

Os olhares da Gracinha! disse...

Gostei de ler!
As melhoras Elvira pois bem precisa!
Bj

Manuel Veiga disse...

em verdade, uma excelente lição!
gostei muito, amiga

muito obrigado
pela presença amiga no relogiodependulo

abraço

esteban lob disse...

Es muy significativo el tema que escogiste para publicar, amiga Elvira.Da cuenta de los claroscuros del ser humano, en plenitud.
En el tema de tu salud, lamento el momento que vives y hago votos por una pronta recuperación, amiga.

Fuerte abrazo.

isabel disse...

Muito interessante esta analogia minha querida Elvira!
Continuação de rápidas e definitivas melhoras

Sam Seaborn disse...

Deixo o voto de rápidas melhoras... com coragem e força para resistir.

Quanto ao texto, infelizmente, acontece muito, há quem se ache no direito de atacar os outros com base nos seus maus dias... gostei muito.

Beijinhos

Ailime disse...

Boa tarde Elvira,
Bela lição se extrai deste texto.
Desejo-lhe boas melhoras e coragem!
Tudo se resolverá.
Um beijinho,
Ailime

Teresa Isabel Silva disse...

É realmente uma boa teoria!

Bjxxx
Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

Emília Pinto disse...

Há pessoas que se levantam de mau humor e depois descarregam nos outros. Gostei muito de texto e, embora seja difícil uma atitude como a do taxista, acho que assim não se aborreceu e o dia correu-lhe malhor, Essa foto do táxi fez-me regressar aos meus tempos de vida na aldeia onde vivi até ir para o Brasil; o meu pai era taxista e essas eram as cores do taxi; muito mais tarde resolveram que seriam bege e agora voltaram ao preto e verde o que achei muito bem; os taxis devem ter uma cor que os distinga bem dos outros carros e esta cor já era uma característica dos táxis portugueses. Fiquei triste por saber que estás com um outro problema de saúde, amiga! Mas, isso passa e o que importa é as melhoras no teu olho. Sei que uma coisa é falar, outra é sentir, mas não há outra solução a não ser arranjares força e acreditares que tudo vai dar certo. Temos que ser fortes, Elvira, pois a vida às vezes não se compadece e manda-nos um problema atrás do outro. Daqui vai todo o meu carinho e um abraço carregado de FORÇA e amizade
Emília

Cidália Ferreira disse...

Muito bom de se ler!!

Beijo. Boa noite

lis disse...

Muito bom texto Elvira
A cada dia o lixo aumenta progressivamente e temos mesmo que deixar 'passar'
Nada de se sentir assim,ok?
vai melhorar, com mente saudável e bons pensamentos.
Beijo grande
Ainda viajando e passando pra deixar meu abraço

Portuguesinha disse...


Decidi fazer isso sozinha, ainda era adolescente.
Não reproduzir o "lixo" que me atiravam para cima.
Consequência? Fiquei cheia de lixo!! Soterrada nele. Tapada, esquecida, apagada. Uma flor no meio de um lamaçal, de uma lixeira, não é vista por ninguém... Só vêm a lixeira e continuam atirando lixo em cima.

Mas o princípio é bonito.
não se aflige Elvira!
A sua saúde é por etapas, passo a passo pequeno, mas vai recuperá-la para os níveis desejáveis.
Boa semana.

Rosemildo Sales Furtado disse...

Bela lição! Gostei muito. Parabéns pela escolha.

Abraços,

Furtado