23.8.16

DESTINO DE FÉRIAS - GERÊS


Para os amantes da natureza, e para os que aproveitam as férias para os tratamentos termais, temos hoje o  Parque Natural da Peneda-Gerês com as suas termas na Vila do Gerês,  no concelho de Terras do Bouro.

Pensa-se que estas termas já existiam no tempo dos romanos, pois nas escavações junto às nascentes termais, foram encontradas moedas da época romana.
 De resto ali perto temos a Geira Romana, que ligava Bracara Augusta, (actual Braga) a Asturica Augusta (actual Astorga em Espanha). Conhecendo as características únicas da água e sabendo como os romanos eram apaixonados pelas termas não é de estranhar que venham dessa época


É no reinado de D. João V, que se constroem  os primeiros edifícios para banhos, constituídos por tanques de granito, abrigados em guaritas de pedra,- os Poços
Em 1888 é esta estância visitada por suas majestades D. Luiz I e D. Maria Pia, D. Carlos I, então Príncipe real e sua esposa D. Maria Amélia. Só em 1897 é iniciada a construção do primeiro Estabelecimento Termal do Gerês.


As termas e a capela em frente


Hoje existe um moderno Estabelecimento Termal, e o novo SPA encontra-se dotado das mais modernas técnicas termais e de bem estar.
Mas o Gerês é também um paraíso para os amantes da natureza. por onde se podem "perder" em paisagens de sonho, que alterna  entre o azul do rio Caldo,  
Ponte sobre o rio Caldo
A paisagem vista do miradouro na serra.


As múltiplas quedas de água
     Os garranos, uma raça de cavalos que só existe aqui
                     Por todo o lado o luxuriante verde

Para os cristãos, no Gerês existe o maior Santuário não Mariano de Portugal,O  Santuário de S. Bento da Porta Aberta. Desconheço a data da sua construção, mas  foi reconstruído no final do século XIX.  
 Com um belo retábulo em talha coberto a ouro, 

E belos painéis de Azulejos, que contam a vida do Santo


Por se ter tornado demasiado pequeno para tantos peregrinos, foi inaugurada em 1998, um grande e moderno santuário, denominado a CRIPTA, ali mesmo ao lado, na encosta da serra, sobre o rio Caldo.


Mas ainda há mais para descobrir. A Cascata do Arado 

Portela do Homem, na fronteira com a Espanha, um local cheio de história. 

 Vilarinho das Furnas, a aldeia submersa pela Barragem parcialmente visível apenas no tempo de seca
E então? Vamos ao Gerês?

21 comentários:

Pedro Coimbra disse...

Mais um destino que aguarda a minha visita há muitos anos

Isa Sá disse...

Gosto muito desta zona, tem paisagens maravilhosas.

Isabel Sá
Brilhos da Moda

Os olhares da Gracinha! disse...

Elvira...gosto muito do Gerês e regressei através dos seus olhares!
Uma zona fantástica... Bj

✿ chica disse...

Adorei as fotos e mais um pedacinho de Portugal aqui mostrado e bem explicado! bjs, lindo dia! chica

António Querido disse...

E o próximo destino será Figueira da Foz?
Da Figueira já com figos, vai o meu abraço.

Bell disse...

Que lindo!!

bjokas =)

Edumanes disse...

Uns andam pelo sul,
outros andam pelo norte
onde o céu é mais azul
amiga Elvira, boa sorte!

Isso é que são férias a valer,
pelo país em digressão
para de lés a lés o conhecer
essas imagens lindas elas são!

Um abraço, e continuação de boas férias!
Eduardo.

Olinda Melo disse...


Olá, Elvira

Há sítios maravilhosos em Portugal e este é um deles, com toda a justiça.
Muito obrigada por este post.

Bjinho
Olinda

Tintinaine disse...

O Gerês é o meu destino mais frequente. Aqui, quando não se sabe para onde ir vai-se para o Gerês. Vai-se por Vila Verde e volta-se por Braga fazendo o circuito completo, passando pelas Caldelas, Terras de Bouro, etc..

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Lindas e belas fotografias, gostei bastante e ainda bem que o fogo este ano não fez estragos no Gerês.
Um abraço e boa semana.
Andarilhar

Rogerio G. V. Pereira disse...

Já por lá andei
mas foi como se tivesse regressado
Obrigado

O meu pensamento viaja disse...

Sempre uma excelente opção. Gosto imenso e visito esta zona repetidamente.
Beijo

Elisa Bernardo disse...

É um dos meus sítios preferidos. Renovo as minhas energias tuas lá!
Adorei Elvira
Beijinho
elisaumarapariganormal.blogspot.pt

AFlores disse...

Gosto muito do Gerês e ainda hoje me dá prazer enorme passear e ficar por lá.
É pena o País não aproveitar e rentabilizar melhor as nossas águas e redes termais.
O turismo termal é algo muito apreciado (mesmo internacionalmente) e ao qual deveríamos dar mais atenção.

Tudo de bom!

;)
:)

São disse...

Faço minhas as palavras do caro amigo AFlores.


Gosto muitissimo daquela bela região.

Beijinhos, ma belle

Mariangela do lago vieira disse...

Que maravilhoso passeio, Elvira.
Lugar belíssimo!
Amei!
Abraços!!
Mariangela

Graça Sampaio disse...

Já lá fui muitas vezes e gosto sempre mais e mais... A seguir a Sintra, é o local mais belo do país continental - para mim, claro.

Beijinho.

Emília Pinto disse...

Esta região conheço muito bem, não só porque a minha mãe durante anos ia para as termas por causa da visicula preguiçosa, mas também por ser uma visita obrigatória quando amigos meus do Brasil vêm a Portugal. Sou do norte e pt visito com frequência todos os lugares aqui mencionados. Pelo que vejo, estás a conhecer muitos lugares durante as férias o que é muito bom. Obrigada , amiga, por todas as informações e por dares a conhecer aos que te visitam as belezas do nosso Portugal Um beijinho
Emilia

Berço do Mundo disse...

Olá cara Elvira. O Gerês é um dos maiores tesouros de Portugal, todos deviam conhecer.
Já agora, uma pequena curiosidade sobre o S. Bento da Porta Aberta, que é muito venerado aqui no Minho. Conheço muita gente que vai todos os anos a pé cumprir promessas e se algumas dizem respeito a coisas muito importantes, como problemas de saúde, outras relacionam-se com coisas comezinhas, como cravos nas mãos.
Quem tem cravos e quer vê-los desaparecer, provavelmente levará umas flores (cravos) ao santo e, diz-se, os homónimos desaparecem.
Abraço
Ruthia d'O Berço do Mundo

a.filoxera praga disse...

Um local a revisitar.
Beijinho.

a.filoxera praga disse...

Um local a revisitar.
Beijinho.