23.9.11

ISABEL - PARTE XVIII



Continua

A TODOS DESEJO UM BOM FIM DE SEMANA

15 comentários:

BRANCAMAR disse...

ELvira,

Tenho tanta leitura para pôr em dia.:)

Fiquei no capítulo X, não vou poder ler por estes dias, mas a partir de segunda feira estarei por cá a recuperar com o fôlego com que a minha amiga escreve.
Isso é que é energia.

Beijos amigos,
Branca
Venho trazer um beijinho e votos de bom fim de semana.

BRANCAMAR disse...

Peço desculpa pela ordem trocada nas últimas linhas. Sou uma trapalhona com o sono.

Um boa noite.

Mais beijos

Ana Martins disse...

Elvira, boa noite!
E a história continua interessantíssima, tão interessante que não me escapa a colocação de um novo post.

Beijinho,
Ana Martins

Maria disse...

Porque é que não se pode virar a página aqui no computador...

Um abraço, Elvira.

Citadino Kane disse...

Elvira,
Viraste escritora de verdade, bendita blogosfera!!!
abs

Isamar disse...

E a leitura continua interessante! Agora, para além do solteirão militante ( até ver!),o Miguel, chegam-nos uma porteira e um decorador. Como estás imprevisível, qualquer deles pode tirar o "coelho da cartola" mas não nos está fácil imaginar uma conclusão.
Quem não dirá que até a porteira pode ter um filho capaz de partir o empedernido coração da Isabel? Que ela faria uma boa parceria profissional com o Miguel ou o Luís ninguém duvida mas o coração tem razões que a própria razão desconhece e tu tens uma vasta imaginação com capacidade para nos fazer dar voltas e voltinhas na tentativa de imaginar o fim desta inesperadamente longa narrativa. Não tenho pressa no seu fim porque, como sabes, estou a achar interessantíssima a teia que estás, tão habilmente, a urdir.

Beijinhos

Bem-hajas!

Adriana Vargas de Aguiar disse...

Elvira!

uauuuu!!! Um blog que lê!
Gostei demais!

Ola pessoas!!!
Se precisar de parceria com os livros de nossos autores, o clube está aberto a vocês!


Estamos lhe seguindo; vem com a gente concorrer dia 10 a 4 kits com 3 livros cada; quanto mais você comentar, mais chances tem de ganhar.
Vamos juntos incentivar a literatura brasileira em nosso País!

Obrigada por nos seguir!
Adriana Vargas
Clube dos Novos Autores

jhones disse...

jhones
por acaso achei seu blog, e começei a ler aglumas de suas reportagens, escritos, poemas e achei divertido e dinamico, sou de guaratingueta vale do paraiba em sao paulo. seminarista franciscano, valeu continue postando as mensagens sao muito boas
meu email e jhones_lucas10@hotmail.com

Luma Rosa disse...

Isabel terá nova surpresa às 17hs.?
Ansiosa para ler a continuação!
Bom fim de semana!
Beijus,

abueloscrisytoño disse...

Hola Elvira, un abrazo. Tengo muchas cosas que contarte pero ahora no puedo por falta de tiempo. Andamos un poco liados con los médicos, cuando todo esto se calme ya hablaremos con más tiempo. Puedes mandarme un correo y te contestaré personalmente.
Un abrazo.
Abuela Cris

Fernanda disse...

Cada vez mais empolgante o conto.
Estou curiosa para ver o desenvolvimento.

Achei "gira" a caravana. A nova casa do Miguel.
Esta tem a venatagem de ser movida para todo e qualquer lado.
Também já tive uma na qual percorri o país de lés a lés e não só.

Beijinho
Bom fim de semana

Filoxera disse...

Miguel ou Nuno?
Ou sou eu que estou baralhada...?
Beijinhos, Elvira.

esteban lob disse...

Hola Elvira:

Veo que tu imaginación y capacidad literaria es infinita, amiga.

Un abrazo.

Celia disse...

Minha amiga, Praga é uma cidade encantadora. Ficamos apaixonados por ela. Quem sabe um dia, eu volte. Bj

Pena disse...

Preciosa e Linda Amiga:
Um texto fluído e cristalino que se lê, facilmente, até ao fim.
Parabéns.
Os jovens duma maneira geral querem a independência nas suas vidas e, isso, é vísivel neste excelente relato com a sua assinatura de ouro. As dedicadas mães é que não vão muito nisso, e custa-lhes aceitar a independência dos filhos que amam, mas tem que ser. É a vida. É custoso para elas.
Dava um belo tema para um livro, sabe, enorme amiga de talento?
Bem-Haja, pela sua amizade que é uma honra para mim.
Beijinhos amigos de pureza, gratidão e respeito.
Sempre a admirar o que concebe de ternura, encanto e de deslumbre.

pena

Há imenso tempo que não vinha aqui. Adorei.
Tenho muita consideração por si por ser como eu sou uma das resistentes da imensa Blogosfera.
Bem-Haja, pela maravilha de si.