25.5.13

VIDAS CRUZADAS PARTE XIII




18 comentários:

Lilá(s) disse...

Eu sabia que algo bom ia acontecer ao Pedro, agora é só torcer para que a aventura continue a correr bem...
Bjs

Luma Rosa disse...

Eita!! Tanto sofrimento em vão... por aqui isso daria uma grande complicação jurídica.
Pelo sim, tanto melhor!! Já vislumbro um final feliz para o casal enamorado!!
Elvira, o post que comentou teve um update, depois se tiver tempo, confira!
Bom fim de semana!! Beijus,

luís rodrigues coelho Coelho disse...

E tudo e ainda mais bonito quando acaba bem.
Estes erros médicos não serão muito frequentes mas ainda assim são sempre graves e se pensarmos em medicações que fazem mais mal do que bem então temos casos muitíssimo graves.

isa disse...

Há casos desses...
Espero que o Pedro seja recompensado por tão grande sofrimento.
Beijo.
isa.

Lúcia Bezerra de Paiva disse...

Até parece que Pedro é um velho amigo meu...torci tanto por ele e aí está uma feliz notícia. Agora, é aguardar um final feliz no amor co Rita. Tomara!
Bom domingo, Elvira.
Beijos,
da Lúcia

Fátima Pereira Stocker disse...

Elvira

Para além do alívio, o carácter que foi traçando do Pedro permite deduzir que estará a pensar com os seus botões: "se não fosse este erro, eu não teria conhecido a Rita", que é uma forma de dizer que "Deus escreve direito por linhas tortas". Também foi o bom carácter do Pedro, ao calar-se, que poupou a mãe a um sofrimento desnecessário. Uma boa alma, esta que a Elvira soube apresentar-nos tão bem.

Beijos

Kim disse...

A vida é uma caixinha de surpresas. Depende apenas da altura em que a abrimos.
Beijinho Elvira

Andre Mansim disse...

Quando lí a primeira vez eu tive dó do Pedro, mas aqui até que melhorou pro lado dele né Elvirinha, hahahahahahahahha.

Tenha uma linda semana minha amiga!

Luis Eme disse...

abraço Elvira.

Mariangela disse...

Nossa Elvira, que bom estar tudo bem com Pedro, que maus dias ele passou,por conta desse engano!
Ainda bem que ele não contou nada para a mãe!
Mas esses enganos podem levar as piores consequências!
Abraços Elvira, e uma boa semana!

Lu Nogfer disse...

Olá amiga Elvira

Ainda bem que tudo terminou bem!

Uma bela e reflexiva leitura!

Beijos

abuelacris disse...

Un abrazo Elvira

Zé Povinho disse...

As voltas da da vida que nos podem trazer boas ou más notícias, mas com as quais temos que viver...
Abraço do Zé

Vitor Chuva disse...

Olá, Elvira!

Reviravolta inesperada, esta.Saber-se que afinal a sua morte tinha sido "decretada" por erro médico...E também sensação estranha, ao saber que outro tinha "morrido por ele"...

Bem tecido o enredo; parabéns!
Abraço e boa semana.
Vitor

AC disse...

Que volte face, Elvira! E tudo com uma acção tão viva, que prende o leitor até à última palavra.
Venha mais, que a mãe do Pedro (os leitores, claro!) deve estar em pulgas.

Beijo :)

Emília Pinto e Hermínia Lopes disse...

Pois é, Elvira, não esperava este final, embora tivesse a certeza de que ele iria ficar bom. Nunca pensei que se tratasse de uma troca de exames, embora saiba que infelizmente isso acontece. Fiquei feliz com o final, pois estava a ficar com pena do Pedro. Vai ser uma grande alegria e alívio para a mãe. Obrigada, Elvira pelos belos momentos que aqui passamos. Um beijinho e boa noite
Emília

LUZ disse...

Olá, estimada Elvira!

Como têm passado?

Ora, razão tinha eu, ao dizer que o seu Pedro, ou melhor, o Pedro do seu conto estava são, que nem um pero.

Pensei que uma posssível volta/continuação da sua história fosse mesmo esta, troca de análises.
E agora, a Rita?

Tenha umã noite feliz, embora este tempo, não nos deixe sorrir.

Beijos para todos, com amizade e estima.

PS: a Nita está quase de férias. Para ela, um beijo muito especial e cheio das maiores venturas.
Que Nossa Senhora a proteja, SEMPRE!

Duarte disse...

Pude seguir a leitura mas não me deixou comentar, assim como nos posteriores: hoje sim, e vou aproveitar para que conheças a minha impressão deste belo relato.
Continuo a gostar, sigo intrigado.
Os médicos também são humanos!...
Abraços