24.2.13

VIDAS CRUZADAS - PARTE II




24 comentários:

Vitor Chuva disse...

Olá, Elvira!

Comecei pelo princípio, para me situar na história: e agora cá vou ficar à espera dos resultados das análises, curioso por saber o que aflige o Pedro; se calhar nada de grave, apenas coisa que tenha a ver com juventude...

Obrigado pelo seu comentário, escrito com gosto, deu para perceber.E quem nunca sentiu medo, será gente que ainda estará para nascer...

Abraço amigo; boa semana.
Vitor

Mariangela disse...

Quem é que não fica apreensiva diante de um médico ou exames para fazer?
Tomara ele nada tenha!
Beijos e boa semana!
Mariangela

isa disse...

Elvira,consegue prender quem a lê.
Já espero a continuação,pensando em
várias hipóteses.
Beijo.
isa.

Andre Mansim disse...

Olá Elvirinha, tudo bem aí?

O conto continua muito bom. Você consegue escrever de uma forma que faz a gente querer saber do final logo! Hahahaha. Parabens minha amiga escritora!

Tenha uma semana iluminada!

esteban lob disse...

También quedo expectante por la continuación, apreciada Elvira.

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Uma consulta normalíssima assim como esse exame minucioso feito na sala de espera...

Resultadas ?
- Vá dar uns passeios...é preciso arejar..O resto haverá de ter cura...

ana costa disse...

Presa no desenrolar dos acontecimentos aguardo o resultado desses exames....
beijo amiga

Fátima Pereira Stocker disse...

Elvira

Está-se mesmo a ver que vem aí coisa séria!

Beijos

José Lopes disse...

Tive que ler o post anterior para poder acompanhar devidamente mais este conto...
Cumps

Olinda Melo disse...


Pois é, se calhar é só do sistema nervoso, às vezes acontece os nervos nos pregarem partidas...

A ver vamos.

Bj

Olinda

Luma Rosa disse...

"Dê uns passeios e distraia-se"...
Ou melhor, não se preocupe!
Pedro não estará doente, estará ansioso?
Hehehehe eu estou ansiosa pelos próximos capítulos!!
Boa semana!! Beijus,

Mariazita disse...

Muito bem descrito o ambiente da sala de espera, assim como o exame médico. Agora há que aguardar o resultado das análises. Hoje em dia os médicos não funcionam sem exames suplementares :)))
Entretanto, o Pedro precisa arejar as ideias. No fim... talvez seja mesmo só disso que ele precisa.
O futuro o dirá...

Cá estarei para o próximo episódio, querida amiga.
Até lá, um abraço amigo

Jorge P.G disse...

Mais um episódio em que se adivinha que vêm por aí águas turvas...
À espera de desenvolvimentos.

Um abraço.

LUZ disse...

Olá, estimada Elvira!

Boa descrição do ambiente, incluindo as pessoas, presentes na sala de espera, aspeto físico das mesmas e até o diálogo, que os "doentes" costumam travar uns com os outros.

Pedro Medeiros (gosto deste apelido. Soa-me bem, tem nível) depois de observado pelo médico, vai fazer exames.

Aguardemos, mas tenho a certeza que o Dr. Pedro Medeiros (não é doutor. Pronto, mas eu apeteceu-me chamar-lhe, assim), esteja cinco estrelas, porque ele é muito bonito e interessante.

Beijinhos para todos.

Severa Cabral(escritora) disse...

BOM DIA AMIGA QUERIDA !
GOSTO MUITO DOS TEUS TEXTOS,A MANEIRA COMO DESCREVES NOS FAZ VIAJAR DENTRO DELES...NOS FAZ SENTIR DENTRO DA DEFINIÇÃO DE COMO É O AMBIENTE DENTRO DE UM CONSULTÓRIO ...
BJS DE BOM DIA !!!!!!!!

Magali disse...

Querida Elvira, quanto tempo....parabéns pelo sucesso do blog. Um abraço

São disse...

Deve ser algo psicosmático...


Abraço grande

Zé Povinho disse...

O prazer na leitura renova-se.
Abraço do Zé

Emília Pinto e Hermínia Lopes disse...

Cá estou eu, Elvira, para continuar a saber do nosso Pedro. Fico, com ele, à espera dos exames. Não sei..., mas deve ter alguma coisa, não? Gostaria que fosse só muito trabalho e preocupação, mas....Depois veremos, não é Elvira? Gostei muito e o consultório foi muito bem descrito; quando estou numa sala de espera, faço o mesmo...fico a estudar as pessoas e a tentar descobrir a história de cada uma. Beijinhos, amiga e até ao próximo capítulo.
Emília

Lilá(s) disse...

Espero que o resultados das análises,venha rápido...fiquei curiosa, ou será que o rapaz só precisa de tomar ar?!
Bjs

lucia bezerra de paiva disse...

Essa segunda parte de "Vidas Cruzadas" ( e não Caminhos Cruzados, com nomeei há pouco, na primeira parte,perdoe)...já deixa a gente apreensiva: o que teria o Pedro?
Agora, é aguardar o próximo capítulo.
Está ficando interessante!

Um feliz final de semana, amiga.
Beijos!

Kim disse...

Muito bem! O costume!
Beijinho Elvira

Tétis disse...

Olá Elvira,

Aqui estou de novo para seguir o desenrolar deste conto que está a ficar emocionante.

Cada um que o lê não resiste à tentação de opiniar sobre o hipotético mal de Pedro. Até eu faço o meu diagnóstico dizendo que é "apenas" (como se fosse coisa de pouca monta...) stress. Será?

Aguardo ansiosa pelos próximos capítulos e aproveito para uma vez mais te felicitar pela tua boa e bela escrita. Consegues prender-nos.

Beijinhos

Branca disse...

Olá querida Elvira,

Vim matar saudades, dizer que me lembro sempre, mas já não blogo como antes, há uma dor que este país me deixa, há um espaço e um tempo que já não tenho, há um desencanto que me cansa, não consigo manter-me por aqui mais tempo que o de uma ou duas visitas aos amigos.
Vim deixar-lhe beijinhos e a minha amizade de sempre, que espero que um dia seja pessoalmente, pois também já conheci em tempos pessoalmente o Kim, a Verdinha e o grupo que conheceu há algum tempo. Quem sabe um dia nos encontramos todos, quando combinarem avisem-me para ver se dá.

Beijos amigos sempre, para todos aí em casa, especialmente para a Mariana.

Muito êxito para si. Um dia destes ligo.

Muitos beijos
Branca