7.2.08

QUANDO UM COMENTÁRIO, VIRA POST...

Por vezes as nossas visitas deixam-nos comentários, tão bons, tão cheios de força e mensagem, que não nos cabe o direito de os guardar só para nós. Aconteceu com este poema, deixado como comentário, pela Menina do Rio, no meu poema CAMINHA.

Fala dos Meninos do Rio, mas podiam ser meninos de Lisboa, Madrid, ou Nova Iorque. Porque meninos de rua, e fome, e droga , existe em todo o mundo infelizmente. Um muito obrigada à Menina do Rio.



Meninos da Praça


Os meninos dormem
nas calçadas nuas, nas ruas
no centro do Rio, no frio
Meninos de todas as idades
acordam a cidade
E no afã;
o café da manhã
garrafinhas de cola
que de mão em mão rola
cheirando
axpirando
enganando a fome
que os consome
Rostos sujos, sem banho
São de todos os tamanhos
meninos
anjos caídos
entorpecidos
cheirando solventes
que lhes travam as mentes
anestesia,
na crueza dos dias
vagando sem mais
pedindo em sinais
- Moço, me dá um trocado
pra comprar um pão
- Que trocado, meu irmão?
Vai trabalhar, vagabundo!
E lá vai o filho do mundo
A fome gritando alto
Passa a grana, é um assalto
Ai maluco, perdeu
É tu ou eu
Passa a carteira
Que eu não tou pra brincadeira
E, nessa luta injusta
Quanto a vida custa?
Talvez escola, comida...
Educação, porque não?
Um amigo,
Um irmão
E um motivo pra sonhar...
que um dia vai melhorar


Menina do Rio

36 comentários:

Maria disse...

Lindo este post....
Lendo o poema da Menina do Rio lembrei-me de várias cantigas que cantam esta triste realidade.
Acredito que um dia "vai melhorar"....
Obrigada, Elvira.

Um abraço

Jose Gonçalves disse...

E um motivo pra sonhar...
que um dia vai melhorar

E vai seguramente, eu tenho fé.
Deixo-lhe um abraço envergonhado pelas poucas vezes que cá venho agora.
Um dia vai melhorar... à vai, vai...
José Gonçalves

Jose Gonçalves disse...

A propósito do desafio, não o esqueci mas ando a arranjar tempo.
Um abraço
José Gonçalves

amigona avó e a neta princesa disse...

Tão bonito, amiga...tão triste...beijo e bom fim-de-semana...

Sophiamar disse...

Bonito e comovente. A injustiça continua a grassar pelo mundo. Afinal o sol, quando nasce, não é para todos. Esta e outras situações fazem com que a felicidade não possa existir. Enquanto houver um menino com fome, um velho solitário, abandonado, uma família sem casa , a felicidade só pode ser esperança...
Beijinhossss

No fim de semana, responderei ao teu desafio.

Dualidades disse...

Merece sem dúvida ser promovido a post! :o)

Dualidades JP

Azul disse...

Muito bonito, sim.
Parabéns á menina do rio.

Lana disse...

krida elvira
a vida não tem sido fácil nestes ultimos tempos,
se a mudança foi boa a vida pessoal com dois pais (os que são meus) no hospital ao mesmo tempo tem sido muito inquieto e preocupante.
no entanto, deixo-te um beijo, um carinho parabéns pelos prémios e voltarei.
lá te espero no meu cantinho.
1 sorriso luminoso e ATÉ BREVE.
Lana

Pitanga disse...

Vai ao Pitanga. Só Para Meninas.

beijos cor de rosa.

‽ ««§εмф†ϊvф»» ‽ disse...

*cara de boba*

Puxa, que poema crítico lindo!Real, assim que devemos viver, vendo esta realidade ao invés de ficarmos sonhando com coisas utópicas.

Um beijo

Ray

Papoila disse...

Bonito sim e sabe que lembrei "Os Capitães da Areia" em poema. Um poema que não podia ficar guardado na gaveta dos comentários. Parabéns a si e à autora.
Bom fim de semana!
Beijos

Azul disse...

Voltei aqui só para ouvir esta música outra vez!!!
Já tenho som!!!

Brancamar disse...

Comovente poema da Menina do Rio! É tão difícil a vida para estes meninos e tantos senhores bem instalados nem percebem, nem imaginam quanto...
Fez-me lembrar o livro "Capitães da Areia" de Jorge Amado.
É um tema sempre pungente porque é inadmissível que em pleno séc XXI se vejam tantos milhões de crianças em sofrimento.Qual será o futuro do mundo se as suas crianças cada vez mais são tão penalizadas?
Um abraço grande para si.

Pena disse...

Estimada Amiga Elvira:
Um poema doce que fascina no relato evidenciado de compreensão do sentimento desesperado, cruel e ao abandono das crianças tristemente ao acaso na vida. Entregues a elas próprias sem afagos, sem afectos, sem um mínimo de conforto, sem amparo de ninguém.
Depositados à mercê da vida injustamente!
Linda Menina do Rio. Talento inqualificável. Pessoa maravilhosa, terna e linda. Que conhece, que não aceita, que se revolta. Que sente um "calmo", mas indignado sentir.
Deu-lhe viva voz, excelente Amiga Elvira. Admiro as suas atitudes. Muito! Aprendo, enriquecem-me, auxiliam-me.
Dediquei-lhe um Post, a si, maravilhosa amiga, e à linda Alice Matos. Autênticos e verdadeiros seres angelicais que para mim tudo merecem.
Pela postura na vida, pela arrojada intervenção em prole do poetizar do bem comum, da beleza, da ternura como concebem magníficos, deslumbrantes e lindos Posts.
Deslumbrantes seres. De maravilhar.
OBRIGADO sentido.
Com um abraço sincero de encanto e amizade

pena

tita coelho disse...

Lindo o poema, querida Elvira! As vezes os comentários nos surpreendem mesmo!
beijos

Anónimo disse...

Olá Elvira.
Bonito poema e, dá que pensar!
Bom fim de semana.
Beijocas.
Mary90

São disse...

Minha querida , fez muito bem em partilhar este sentido poema da nossa amiga brasileira!
Abraço-a!

Nil brito disse...

Oi, querida Elvira. Passando para lhe deixar um oi e desejar um ótimo final de semana. Logo logo eu volto com meu blog. Bjs saudosos do Nil.

fj disse...

conheço!
este poema é lindo!
Amiga em tempos "idos" tinha tb um comments para virar post...tb pensei em fazê-lo...mas o autor desse comments nunca respondeu ao meu pedido...pronto :(
um abraço e bom fds

aryanalee disse...

Querida Elvira
Sempre que se fala de crianças como esses do poema, ou de outros, desprovidos do essencial, penso que Deus talvez nos tenha abandonado definitivamente.
Bom fim de semana e obrigada
Bjos

Mocho-Real disse...

Bom dia, elvira, hoje só tenho tempo para lhe desejar um bom fim-de-semana.
As minhas desculpas.

abraço.

Menina do Rio disse...

Afff...Perdi a fala...
Esse poema eu fiz pra ser postado num blog social que acabou não saindo do projeto. Então quando li o teu Caminha, achei que cabia ele ali como resposta, mas o que fizestes foi além de uma surpresa e comoveu-me imenso.
Infelizmente este meninos existem. E não só aqui no Rio.
Um beijo pra ti, querida. E obrigada pelo teu carinho. Teu um feliz fim de semana

multiolhares disse...

como dizes, poderia ser para qualquer criança
do mundo
beijinhos
luna

Vieira Calado disse...

É como diz:
os meninos da rua sofrem o mesmo em todo o lado.
Muito apropriado, o poema da menina do rio.
Bom fim de semana.

OBSERVADOR disse...

Bem que os meninos gostariam de aprender a ser homens.
Ser-lhes-á concedida essa oportunidade?
Todos achamos que sim, mas o que fazemos para que se torne uma realidade?

O Profeta disse...

Porque será que os textos mais bonitos são tão tristes...?


Nesta baía
Quando chega ao fim do dia
As pedras dormem com o mar
Quando vem a calmaria



Bom fim de semana


Mágico beijo

Lisa's mau feitio disse...

Conheço tantos meninos do rio...

Elvira, minha querida, o seu blog é um ninho de ternura!

Agradeço todas as atenções que tem comigo, em especial a última preocupação! Eu estou bem, a "chapa" resolve-se... Haja dinheiro... enfim.

Desejo-lhe um bom fim-de-semana!
Cheio de beleza!

Lisa

Uma vencedora disse...

É verdade amiga...

Infelizmente aqui no Rio como em todos os lugares a miseria e a pobreza estão contaminando o mundo, não por ser suja ou podre, mas por ser triste e não ter a atenção de vida...

Bjs

Janaína

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida Elvira, passei para deixar-te um beijinho de carinho e amizade.
Fernandinha

José disse...

Verdade!os meninos do Rio existem P'lo mundo inteiro. Poderiam ser os mininos da Musgueira, Cascais Damaia ou outros bairros do género, eles existem em todos os países do mundo.
São as vitimas da Havareza humana, que a tudo recorre para atingir os seus fins,geralmente crianças e adolescentes, são os refens destas máfias organizadas, que por vezes desimam familas inteiras, é assim que surgem os meninos do Rio (ou do Mundo). um abraço.

Paula Calixto disse...

Bonito poema! De uma profundidade... Forte de modo bem sutil, assim o senti. Muito bonito! (;

Beijos e que seu espelho reflita cada vez mais você, em crescimento, vontade e felicidade. (((:

ester disse...

Triste!
Que essa realidade mude.
Boa noite Elvira!

Osc@r Luiz disse...

Esta moça é mesmo o máximo.
Sinto falta dos comentários dela lá em cada também...
É o preço que pago por não ter tempo suficiente para visitar todas as pessoas que eu estimo.
Elvirinha, amiga querida, tenha um ótimo final de semana também!
O meu já está sendo, agora, de volta à net.
Beijo!

mjf disse...

Olá!
Obrigada por ter partilhado connosco um poema tão bonito, sensivel e infelizmente actual...

Beijos

mjf disse...

Olá!
Obrigada por ter partilhado connosco um poema tão lindo...sensível, e infelizmente actual.

Beijos

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,