13.2.17

LONGA TRAVESSIA - PARTE XV


Tinha chegado a hora de saída.
- Não podes ficar um pouco mais? Ainda temos um bom par de horas para acabar isto. – Disse ele quando viu que ela começava a arrumar a secretária.
- Terá que ficar para amanhã.
- Tens alguém à tua espera?
- E se tiver? O que é que isso tem a ver com o trabalho?
- Podíamos acabá-lo esta noite.
- Não faço serões. Mas se quiseres ficar, estás à vontade. Afinal a firma é tua.  E tens aí todos os documentos. Até amanhã.
Pegou no casaco e na mala e saiu sem lhe dar tempo a responder.
Chegou ao carro ao mesmo tempo que a amiga.
- Estive toda a tarde a pensar em ti – disse antes mesmo de pôr o carro a trabalhar. Estiveram quase duas horas, juntos. Aconteceu alguma coisa?
- Aconteceu que está a analisar o perfil de competência e capacidade de resposta de cada um dos empregados. Especialmente dos chefes, e fiquei com a impressão que se os relatórios que pediu hoje não forem o que espera, vão rolar cabeças.
- Parece estar determinado a levantar a empresa. Isso é bom para todos. Arranjar novos empregos é cada dia mais difícil. Mas e foi só isso? Ainda não te reconheceu?
- Reconheceu-me no primeiro instante que me viu, ainda que fizesse os possíveis para me deixar na dúvida. Hoje foi diferente. Provavelmente porque estávamos sozinhos.
- Queres falar sobre isso?
- Não importa. Parecia querer falar do passado, talvez justificar o injustificável, mas não lhe dei margem para isso. Deixei bem claro que só poderemos falar de trabalho.
- E ele, aceitou?
- Penso que sim, - disse encolhendo os ombros. Pediu-me a pasta dos mapas de pessoal e levamos o resto da tarde a analisar o perfil de cada um.
Tinham chegada à porta de casa de Luísa e como sempre, Tiago já estava à porta com o filho e o afilhado esperando-as.
Cumprimentaram-se, beijou o filho, abriu a porta traseira do carro para o acomodar, instalou-se ao volante e arrancou com um aceno de mão para os amigos. Era aquela a sua rotina diária.
Conduzia devagar, aquela hora, o trânsito era sempre muito intenso, enquanto escutava o filho dizer todo feliz, que tinha sido escolhido para representar um dos reis Magos, na Récita de Natal com que a escola ia encerrar as atividades do primeiro período, dentro de duas semanas.


Porque amanhã é o dia dos namorados, e a noite do Benfica, não haverá desenvolvimento nesta história. Desejo-vos um dia feliz. E que ganhe o Benfica!

19 comentários:

Isa Sá disse...

A passar por cá para acompanhar a história e desejar uma ótima semana!

Isabel Sá
Brilhos da Moda

Roaquim Rosa disse...

Bom dia
ficamos a aguardar ate quarta feira.
e que ganhe o GLORIOSO
JAFR

✿ chica disse...

Vamos ter que esperar então! Estou gostando muito do desenrolar... bjs, chica

Tintinaine disse...

Isso é que é importante!
Que ganhe o Benfica para eu ter alguma alegria na vida. Para coisas tristes já me basta a artrite reumatóide.
A Teresa vai dar luta, mas assim a conquista tem mais valor e espero o tempo que for preciso para ver como isso vai acontecer.

António Querido disse...

E eu a pensar que amanhã, por ser dia dos namorados ia acontecer algo importante nesta empresa!
Que ganhe o Benfica.

Rui disse...

Mantém-se a expectativa ! :) Aguardemos, sem pressas !

Abraço, Elvira. :)

Prata da casa disse...

Fico a aguardar o desenrolar da história então.
Bjn
Márcia

Edumanes disse...

Teresa, não faz serões a trabalhar. Tem toda a razão, porque o trabalho nunca acaba. Pode esperar porque também não azeda. Será que ela vai resistir? Só o fará penso eu se já não sentir amor por Mário! Mas, mas, o amor não se esquece assim tão facilmente!...

Tenha uma boa noite amiga Elvira, um abraço,
Eduardo.

Cantinho da Gaiata disse...

Oh, estava a pensar que amanhã por ser o dia dos namorados íamos ter um longo capítulo.
Que ganhe o seu glorioso.
Beijinho

Érika Oliveira disse...

Hahaha aproveite!! Aguardo a continuação.

Maria Teresa de Brum Fheliz Benedito disse...

Bom dia cara amiga!
Pois então vamos esperar, a estória está cada vez melhor, um abraço e feliz dia dos namorados e que seu Benfica ganhe.

Odete Ferreira disse...

É preciso tempo para aceitar percorrer outros patamares. Em todo o caso, esta Teresa fortificou-se em termos psicológicos. E gosto de personagens assim.
Bjinho

Taty disse...

Acompanhando bem de pertinho!
Bjus
Taty
Na Casa dos Abrantes
Canal

Anete disse...

O romance tá se processando... O casal precisa de tempo e de atitudes novas...
Tudo tem o seu tempo certo... Feliz Dia dos Namorados, Elvira! E que vença o seu time!!
Abração

Emília Pinto disse...

Já que não há novo capítulo, vejamos então o Benfica! Que ganhe, para alegria do netinho e do vô
Beijinhos, Elvira e bom jogo!
Emilia

Existe Sempre Um Lugar disse...

Boa tarde, o romance tem pernas para andar e consolidar, aguarda-se pelo desenrolar.
AG

Berço do Mundo disse...

Então aí em casa é feriado quando o Benfica joga? Por iniciativa da Elvira ou do marido?
Beijinho

maria disse...

Esperemos então pelos próximos... :D

Dorli Ramos disse...

Oi querida
Então é esperar que o jogo e que seja fervoroso e que tenham muitas festas
Beijos
Minicintista2