24.4.10

foto do Google

ABRIL DE SIM, ABRIL DE NÃO

Eu vi Abril por fora e Abril por dentro
vi o Abril que foi e Abril de agora
eu vi Abril em festa e Abril lamento
Abril como quem ri como quem chora.
Eu vi chorar Abril e Abril partir
vi o Abril de sim e Abril de não
Abril que já não é Abril por vir
e como tudo o mais contradição.
Vi o Abril que ganha e Abril que perde
Abril que foi Abril e o que não foi
eu vi Abril de ser e de não ser.
Abril de Abril vestido (Abril tão verde)
Abril de Abril despido (Abril que dói)
Abril já feito. E ainda por fazer.

Manuel Alegre

MENSAGEM PARA OS AMIGOS.
A MINHA MÃE CONTINUA MAL NO HOSPITAL DO BARREIRO. A MINHA SAÚDE TAMBÉM SE MANTÊM PERICLITANTE, POIS TENHO ESTADO COM UMA INFECÇÃO RESPIRATÓRIA. DAÍ QUE A VONTADE DE ESCREVER NÃO SEJA NENHUMA.
DEIXO O MEU ENORME OBRIGADA PELO VOSSO CARINHO, E VOTOS DE QUE TENHAM
UM ÓPTIMO FIM DE SEMANA.